Um pouco sobre o Komodo Edit

A algum tempo atrás eu fui apresentado ao Komodo Edit. No início nossa relação foi meio tortuosa e passamos pouco tempo juntos porque eu achava ele muito pesado e exigia muito da máquina. Memória era um item que não era muito abundante no computador. Apesar dos pesares, sempre mantive uma admiração pelo Komodo. Um editor simples, completo e grátis. Para ser perfeito só faltava ser leve (ou eu colocar mais memória).

O tempo passou e finalmente coloquei mais memória no computador aqui do trabalho. Finalmente posso usar o Komodo sem medo de o computador abrir as pernas e me deixar na mão em algum momento importante. Graças a isso, resolvi escrever essa humilde avaliação do programa. Bom, vamos aos atributos do Komodo:

  • Suporte a Perl

  • Suporte a PHP

  • Suporte a Python

  • Suporte a Ruby

  • Suporte a Tcl

  • Suporte a JavaScript

  • Suporte a CSS

  • Suporte a HTML

  • Suporte a XML

  • Análise de sintaxe colorindo os erros

  • Recurso de Auto-completar

  • Disponível para Linux, MacOS X e Windows

Percebe-se que o software possui muitos recursos excelentes. Muitos que eu só havia encontrado em softwares comerciais e que só possuíam versão para Windows.

Ainda existem outros recursos que a empresa oferece, porém estes são comerciais.

Agora a empresa ActiveState que é a criadora do Komodo, está criando o projeto Open Komodo que visa criar uma plataforma de desenvolvimento. Para isso eles já deram o primeiro passo abrindo os fontes do Komodo Edit. Show de bola :D

 
comments powered by Disqus