Back to Gnome

Depois de testar o KDE4 por alguns dias, cheguei a conclusão de que sentia falta do Gnome. Domingo a noite removi o KDE por completo do meu sistema e voltei ao meu querido e descomplicado Gnome.

Segunda até instalei o Englightenment e o OpenBox, mas não… não dá.. hehe

Pode ser que é por costume. Tanto operacional quanto visual. Acho o gnome feinho em diversos pontos, mas muito prático e simples em muitos outros. Botando isso em uma balança, o gnome ainda tem mais peso em consideração a beleza do KDE e do Enlightenment (muito superior a do KDE) e a leveza do OpenBox (absurda velocidade mas pesada produtividade).

Então, sigo com o Gnome. Aguardando melhorias em desempenho e aparência.

 
comments powered by Disqus