Liberdade

Autoriterrorismo e vigilância, do jeitinho brasileiro

Brasil, 7 de julho de 2008—Pressão de bancos contra fraude on-line, já objeto de lei vigente, tem sido usada como desculpa para impor grandes ameaças à sociedade. Marionetes no Senado Brasileiro estão prestes a aprovar um projeto de lei apoiado por agiotas bancários e de direito autoral em detrimento da liberdade e da privacidade do povo que foram eleitas para representar. O Projeto de Lei 89⁄2003 criminaliza atividades quotidianas na Internet e deve ser votado no Senado esta semana.